Sauditas querem produzir carro elétrico em Sergipe

Amsia Motors escolheu os arredores de Aracaju para instalar fábrica de híbridos e elétricos. Investimento será de R$ 1 bi

S30 Urban Concept da Amsia Motors - Foto: Divulgação

O desconhecido grupo árabe Amsia Motors assinou nesta quinta-feira (27) um Protocolo de Intenções com o Governo do Estado do Sergipe para a instalação de uma fábrica de automóveis híbridos e elétricos na região.

A solenidade contou com autoridades locais e representantes do grupo árabe, que deve investir cerca de R$ 1 bilhão na montadora. Esta será a primeira fábrica que levará a bandeira da Amsia Motors – o grupo trabalha com um sistema de joint-ventures com outras marcas.

O presidente da empresa, Mustafá Ahmed, e o príncipe saudita Faisal Al Saud, investidor do grupo, vieram ao Brasil acertar os últimos pontos do protocolo para a instalação da unidade, que será construída no município de Barra dos Coqueiros, na região metropolitana de Aracaju.

Os incentivos fiscais a serem concedidos ao projeto ainda não foram definidos, bem como um possível financiamento, que poderá vir do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), do Banco do Brasil e da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). Em contrapartida, a Amsia deverá dar preferência na aquisição de bens, serviços, insumos e matérias primas a estabelecimentos e a fornecedores localizados em território sergipano.

A expectativa é que as obras sejam concluídas em um prazo de 14 meses. Na ocasião, o  secretário de desenvolvimento econômico de Sergipe, Saumíneo Nascimento, afirmou que  Amsia deve começar com a produção de carros de passeio, mas que tem planos de fabricar também ônibus e implementos agrícolas.

A empresa, no entanto, não detalhou que tipo de carro de passeio pretende produzir nem quais são os planos para implantar uma infraestrutura que permita o uso de veículos com propulsão elétrica. A iniciativa também causa estranheza já que não existe legislação que favoreça a produção local de carros ecológicos.

Por: Karina Simões
Fonte: IG Carros

Nenhum comentário:

Mais Vistos