Toyota EV P002 em testes de aquecimento para Pikes Peak

Carro está pronto para enfrentar Pikes Peak dia 30 de junho

O EV P002 foi modificado para Pikes Peak com o acrescento de downforce
O Toyota EV P002 concluiu o shakedown de testes no Carolina Motorsports Park antes de competir no Pikes Peak International Hill Climb, a 30 de junho. O carro é baseado no EV P002 que detém o recorde de carro elétrico no circuito de Nürburgring Nordschleife, mas foi modificado com mais downforce e mais potência para competir em Pikes Peak. O vencedor de várias edições de Pikes Peak, Rod Millen, vai conduizir o veículo.

"O saldo foi muito positivo e o carro comportou-se de forma previsível em todos os momentos. Esta corrida é única e eu apreciei realmente o tempo que estive sentado no carro. Deu-me a oportunidade de aprender mais sobre as capacidades dos motores elétricos avançados e pude experimentar como o carro se altera ao longo de uma distância de corrida. Mesmo quando os pneus já estavam um pouco gastos no final o carro ainda era rápido e controlável", referiu Millen.

Depois de dois dias de testes os engenheiros afinaram a aerodinâmica e a suspensão do carro para a subida. A equipa instalou travões de carbono-cerâmica e também se focaram no conforto do condutor.

A versão Pikes Peak do P002 tem 536cv e 1200Nm de binário. A asa dianteira acrescentada e as alterações na asa traseira triplicam a downforce em relação à versão original, mas o peso total também foi reduzido. O carro atinge uma velocidade máxima de 230 km/h.

O P002 recebe a potência de um motor elétrico ligado diretamente a cada uma das rodas traseiras. O veículo utiliza um chassis bastante modificado da Radical.

A Toyota Motorsports GmbH, divisão internacional de automobilismo da Toyota, e a Toyota Racing Development, braço competitivo da Toyota nos EUA, estão a apoiar mais este desafio de Pikes Peak.

Os protótipos elétricos da Toyota venceram a classe elétrica do Pikes Peak Hill Climb nos últimos dois anos.

Os testes em Pikes Peak terão início a 15 de junho.

Fonte: AutoViva (Portugal)

Nenhum comentário:

Mais Vistos