Elétricos devem ficar mais baratos a partir de 2020

O Nissan Leaf é líder de vendas mundiais no segmento de carros elétricos

Um dos maiores obstáculos para a popularização dos carros elétricos em diversos países é o preço alto. Mas essa questão pode começar a mudar a partir de 2020, segundo o estudo divulgado pela Bloomberg New Energy Finance.

O material apresentado indica que o custo de produção das baterias tende a cair nos próximos anos - sem especificar o porquê -, permitindo que estes carros compitam os movidos a combustíveis fósseis ou vegetais. A expectativa é que o valor de um carro elétrico fique próximo ao de um concorrente movido a combustão a partir de 2020.

Com os elétricos cada vez mais baratos, o relatório acredita que em 2040 serão vendidos 41 milhões de carros não poluentes por ano em todo o mundo. Com isso, a economia de petróleo será enorme, mas a demanda por energia elétrica aumentará e será necessário que os países tenham estrutura para atender as necessidades dos proprietários de carros elétricos.

Porém, antes de 2020, o relatório acredita que os elétricos sofrerão bastante para conquistarem seu espaço, já que eles têm preços elevados e recebem poucos subsídios dos governos na maioria dos países.

Fonte: Motorpress - Carro Online

Nenhum comentário:

Mais Vistos