Nissan lança no Brasil dois protótipos de carros inteligentes

BladeGlider combina zero emissões de poluentes com alta performance e outro funciona com energia elétrica de bioetanol

Carlos Ghosn com o protótipo Nissan BladeGlider

A Nissan apresentou ao mundo nesta quinta-feira, no Museu do Amanhã, dois novos protótipos de veículos inteligentes. O futurístico Nissan BladeGlider combina zero emissões de poluentes com alta performance em um veículo esportivo de design revolucionário. E também o primeiro protótipo de veículo a ser movido por uma Célula de Combustível de Óxido Sólido (SOFC, na sigla em inglês), que funciona com energia elétrica gerada por bioetanol. Ambos ainda não tem data para chegar ao mercado.

A SOFC produz eletricidade para movimentar o veículo utilizando o bioetanol armazenado. Ele funciona como uma fonte própria de energia e proporciona, de acordo com a japonesa, autonomias similares às dos carros movidos a gasolina, de mais de 600 km a cada recarga. O produto gerado seria mais ecológico do que os sistemas de cédulas de combustíveis por não liberar os subprodutos inerentes à reação com o oxigênio.

Combustíveis bioetanol são provenientes principalmente da cana de açúcar e milho. Eles estão amplamente disponíveis em países da América do Norte e do Sul, como o Brasil, que dispõem de infraestrutura já estabelecida. No futuro, prevê a montadora, as pessoas só precisarão parar por pequenas lojas de varejo para comprar combustível.

— Como o Brasil é o maior produtor mundial de cana e açúcar e etanol e pioneiro na criação de motores movidos a etanol este é um produto inovador especialmente adequado a esse mercado. A célula de combustível e-bio oferece transporte ecoamigável e cria oportunidades para a produção regional de energia, todo suportado pela infraestrutura já existente. Os custos de manutenção são notavelmente baixos — explica o CEO e presidente mundial da Nissan, Carlos Ghosn.

Já a estreia dos protótipos Nissan BladeGlider integram parte do contínuo comprometimento da Nissan com o desenvolvimento de veículos zero emissões de poluentes e novas tecnologias automotivas, incluindo condução autônoma e conectividade. O modelo foi desenvolvido a partir de carros-conceito exibidos no Salão do Automóvel de Tóquio, no Japão, em 2013. A Nissan já é detentora do carro emissão zero mais vendido do mundo, o LEAF, e é pioneira em sistemas de mobilidade inteligente, muitos deles que serão implantados em uma gama de veículos nos próximos anos.

Com o Nissan BladeGlider, a visão da Nissan é ter um veículo elétrico ágil e eficiente que crie novas dimensões de diversão ao dirigir. Um carro que pudesse “planar” graças à performance, ao silêncio do seu motor elétrico e à sua forma aerodinâmica.

— Esse protótipo mostra um pouco como os carros so futuro podem ser. Ao agrupar o poder da tecnologia limpa e de ponta, o BladeGlider oferece novas dimensões de empolgação e diversão ao dirigir, tanto para motoristas quanto para fãs de performance, graças à performance próxima ao silêncio total de seu motor e e à aerodinâmica com asa aberta de aeronave — ressalta Ghosn.

Por: Daiane Costa
Fonte: O Globo

Nenhum comentário:

Mais Vistos