Nissan Leaf AT-EV rodará do Reino Unido até a Mongólia


A empresa Plug In Adventures desenvolveu um Nissan LEAF que especialmente modificado para participar no Rally da Mongólia, que irá percorrer 16 mil quilômetros do Reino Unido até à Mongólia, no próximo verão no hemisfério norte.

Denominado LEAF AT-EV (All Terrain - Electric Vehicle), é fabricado sobre um Nissan LEAF Acenta 30 kWh que tem autonomia de até 250 km. As principais modificações foram realizadas com o objetivo de dotar o carro das qualidades necessárias para enfrentar as dificuldades nas zonas mais remotas da viagem.

Para isso, o Nissan Leaf AT-EV recebeu rodas Speedline SL2 Marmora e pneus estreitos Maxsport RB3 para um melhor desempenho em estradas de terra. Placas de proteção foram soldadas na parte inferior dos triângulos de suspensão, o circuito de frenagem foi duplicado e recebeu ainda uma proteção de cárter de 6 mm em alumínio, para uma maior proteção contra terrenos difíceis.

As barras de teto foram modificadas e fornecem uma base extra de transporte externo e estão equipadas com uma barra de luz Laser Triple-R 16 LED que produz 16.400 lumens de iluminação de baixa tensão adicional.

Uma vez que o Rally da Mongólia não é uma prova cronometrada, os veículos estão voltados para o conforto. As modificações no interior do LEAF AT-EV concentraram-se na redução do peso e no fornecimento de mais espaço de armazenamento. A área do condutor e do passageiro da frente permanece inalterada exceto pela adição de tapetes de borracha. O banco traseiro e os cintos de segurança da parte traseira foram totalmente removidos, contribuindo para uma redução de peso de 32 kg. Foram também integrados um extintor e um kit médico no espaço do porta-malas. Todas essas modificações foram realizadas pela RML, uma empresa de engenharia automobilística conhecida por sua presença na competição em pista e nos rallys.

Chris Ramsey, fundador da Plug In Adventures, afirmou: “O Rally da Mongólia constitui a viagem mais desafiante para um veículo elétrico até hoje, mas é um desafio que estamos planejando há vários anos. Não só iremos enfrentar uma diminuição no número de carregadores de EV à medida que nos deslocamos para leste, mas o terreno também se torna mais difícil de navegar. Utilizar um Nissan LEAF para essa aventura foi uma decisão óbvia. Conheço muito bem o automóvel. É extremamente confiável e tem a maior rede de carregamento rápido na Europa. Uma vez que aceita uma ligação de 220 ou 240 v, mesmo nas áreas mais remotas, quando já não existir uma rede de opções de carregamento rápido, posso carregar a bateria em uma tomada comum e continuar em frente. Essa viagem resume-se à experiência em si, apesar de não se alcançar o destino em um curto período de tempo. Mal posso esperar para ir para a estrada e mostrar a mais pessoas as vantagens dos veículos elétricos, independentemente do seu país de origem!”

Já Gareth Dunsmore, Diretor de Veículos Elétricos na Nissan Europa, afirmou: “Desde que lançamos o Nissan LEAF em 2010, os nossos clientes já conduziram em conjunto mais de três bilhões de quilômetros, poupando mais de 500 milhões de quilos de emissões de CO2 no processo. A nossa iniciativa ‘Eletrificar o Mundo’ liga as histórias dessas pessoas que estão vivendo um estilo de vida elétrico. Muitos proprietários de um Nissan LEAF têm demonstrado - como a Plug In Adventures - que os veículos elétricos podem fazer muito mais do que os habituais deslocamentos diários. Aplaudimos esse ambicioso desafio de condução e desejamos uma entusiasmante e confortável viagem”.

Fonte: PlanetCarz

Nenhum comentário:

Mais Vistos